Projecto Tanger Med
Dr. Vítor Caldeirinha

 
O projeto Tanger Med é uma prioridade estratégica para o desenvolvimento económico e social da região norte de Marrocos e faz parte da política económica de orientação para as exportações daquele país, com base em sectores de exportação identificadas, com particular ênfase no acordo de comércio livre com a União Europeia. Este projecto está a ter importantes efeitos económicos e em termos de emprego.

A sua posição particular no Estreito de Gibraltar, no cruzamento das duas principais rotas marítimas e 15 km da União Europeia, permite servir um mercado de centenas de milhões de consumidores através serviços regulares de vários armadores que ligam Tanger Med a mais de meia centena portos na Europa, Ásia, África e Américas.

O complexo de Tanger Med tem uma missão dupla. Ser uma plataforma de transhipment dedicada aos movimentos internacionais e regionais de contentores e ser um porto de importação e exportação com vista a melhorar a competitividade da região. A instalação nas zonas industriais francas e logísticas do complexo Tanger Med confere aos operadores vantagens excepcionais, que ficam com a sua competitividade reforçada com:
  • Uma regulamentação aduaneira vantajosa, com a isenção ilimitada dos direitos aduaneiros;
  • Procedimentos aduaneiros simplificados;
  • Isenção da taxa de licença durante 15 anos;
  • Isenção do imposto urbano, durante 15 anos;
  • A isenção ilimitada do IVA e imposto sobre as sociedades: 0% durante os primeiros cinco anos; 8,75% nos 20 anos seguintes;
  • Mão-de-obra qualificada, abundante e barata.

http://ema-hamburg.org/media/download_gallery/medhub/
A%20world%20class%20platform%20for%20industry%20and%20logistics.pdf
Os 90 milhões de euros de investimento nos terminais de produtos petrolíferos visam garantir um abastecimento estável de produtos petrolíferos aos navios que escalam o porto de Tanger Med e constituir a entrada de gasóleo e gasolina para o mercado marroquino. Muito mais que um porto, Tanger Med é plataforma logística que tem disponíveis reservas para áreas cobertas de 12.500 hectares junto a zonas deintermodais de ligação às redes de transporte ferroviário e auto-estradas.

Capacidades:
  • 8.000 mil contentores;
  • 7 milhões de passageiros;
  • 10 milhões de toneladas de hidrocarbonetos;
  • 2.000 mil veiculos;
  • 700 000 camiões.

Todos os terminais de contentores estão concessionados a operadores profissionais:

  • Terminal 1 concessionado à APM Terminals desde Julho de 2007 - Top 3 mundial da APM Terminals;
  • Terminal 2 concedido a Eurogate-Contship / MSC / CMA-CGM, desde Agosto de 2008;
  • Terminal 4 concedido a MarsaMaroc a partir de 2014;
  • Terminal 3: será concedido de acordo com a procura.


Os terminais de contentores existentes em Tanger Med possuem 1600m de cais para navios com calados de 16 e 18m e vastos terraplenos (80 ha). Os terminais podem receber até 4 grandes navios e estão equipados com 50 pórticos de parque com rodas (RTG) e 16 pórticos de cais, com produtividades de 25-30 movimentos por hora. Os Terminais previstos no projecto Tanger Med II terão mais 2,8 Km de cais, com mais 24 pórticos de cais e mais cerca de 150 ha de terrapleno, com capacidade para mais 5,2 milhões de TEU.

O terminal Roro possui uma capacidade que permite o tratamento de um milhão de veículos por ano, numa uma superfície de 20 hectares dotado de dois postos de acostagem para navios com 240 metros de comprimento: 13 hectares concessionados à Renault e 7 hectares de uso comum. O terminal dedicado ao tratamento e ao armazenamento dos produtos refinados possui uma capacidade de armazenamento de 512 mil metros cúbicos e o cais tem capacidade para um tráfego anual de 5 milhões de toneladas. Equipado com 9 postos de acostagem, o terminal ferry está concebido para movimentar cerca de 700 000 camiões e 7 milhões de passageiros. O terminal de Graneis e Diversos será usado para o movimento dos tráfegos de exportação de mercadorias diversas, principalmente ligado a empresas industriais instaladas junto ao porto.
É relevante o conceito de integração entre a plataforma portuária e a plataforma industrial enquanto pólo económico conjunto visando a sua competitividade global do complexo. Tanger Med Logistics Free Zone - Medhub:
  • 250 hectares, com um potencial de expansão;
  • Mais de 500 milhões de euros de investimentos no desenvolvimento da fase 1;
  • 10 000 postos de trabalho na primeira fase;
  • 70 milhões euros para a construção de armazens (100.000 m²);
  • Clientes: Makita (Japão), Geodis (França);
  • Armazéns (HQE Classe A) de 300 a 10.000 m², com possível expansão de 40.000 m² (período de locação: 1, 5 ou 10 anos);
  • Disponíveis parcelas de 10.000 m² para um período de aluguer de 20 anos.


http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=1226607
A zona industrial franca da Tanger Med é um complexo de parque industrial moderno, gerida de acordo com o princípio do balcão único, ligada ao porto Tanger Med:
  • Zona industrial de exportação orientada os sectores automóvel, aeroespacial, têxtil e vestuário, agro-alimentar;
  • 400 empresas;
  • 40 000 postos de trabalho criados;
  • Componentes automóveis: Yazaki, a Sumitomo, a Lear, Fujikura, Delphi, Polytech, CIE Automotive, Trèves, Antolin;
  • Souriau Aerospace, Daher, Dion, ElectronicsEmdep, Tronico, Premo.
A Tanger Automotive City é uma zona dedicada às actividades a indústria automóvel, com uma plataforma ligada à fábrica da RENAULT em ambiente ideal para os fornecedores de componentes automóveis, com acesso ao mercado espanhol e fábricas com mais de 3 milhões de carros em menos de 24 horas.

A Tetouan Shore, zona dedicada às actividades Offshore, possui:
  • 28 Hectares;
  • 120 000 M ² de escritórios e serviços;
  • 120 milhões de euros de investimento;
  • 12 000 postos de trabalho criados.
TangerMed é uma proposta de grande valor para o investidor:
  • A localização privilegiada;
  • Um hub de classe mundial, com total conectividade entre os fluxos internacionais e regionais;
  • Recursos humanos especializados e muito competitivos e instituições de educação e formação na região de nível muito elevado;
  • Os acordos de livre comércio: UE, EUA, Países Árabes e Turquia;
  • Condições alfandegárias muito atrativas;
  • Custos portuários e de estiva 20% inferiores a Espanha.
Tanger Med não é apenas um projeto marítimo global, mas é o verdadeiro sonho de todos importadores e exportadores, no norte da África. A posição geográfica, as condições criadas e os investimentos em curso permitirão o sucesso da estratégia de globalização de Marrocos. Finalmente importa referir que o movimento de contentores no porto foi de 921 milhares de TEU em 2008, 1.222 milhares de TEU em 2009 e estima-se grande aumento em 2010, para vários milhões de TEU (não foi possível ainda obter dados fiáveis).

FONTES:
Dribki, K. “The Tanger Mediterranean Harbor”, Suny Maritime College, 2010;
Kingdom of MoroccoTanger Mediterranean Special Agency (TMSA), “Tanger Med: A world class platform for industry and logistics”, Hamburgo, Alemanha, 2010.
Puertos del Estado, Revista Puertos nº 158, Madrid, 2010
http://www.freshplaza.com/news_detail.asp?id=61815
 
in REVISTA CARGO - Janeiro 2011
[fonte: http://www.cargoedicoes.pt]

 

Destaques

Sócios Beneméritos
Revista Fer XXI
Congresso
Associados
adira já