Alberto Núñez Fejióo abordou ligações transfronteiriças: «Ligar Lisboa com Vigo é um sonho»

Alberto Núñez Fejióo abordou ligações transfronteiriças: «Ligar Lisboa com Vigo é um sonho»

O espanhol Alberto Núñez Fejióo, presidente da Junta Autónoma da Galiza, esteve em Portugal e reuniu com o Primeiro-Ministro António Costa e com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. O político galego abordou as conexões ferroviárias entre Portugal e Espanha e, instado pela imprensa a falar sobre a ligação Lisboa-Vigo, considerou tratar-se de «um sonho», remetendo a resposta para o chefe do Executivo de Portugal.

APAT: Plano Ferroviário deve reflectir «uma visão estratégica» e «holística» para o país

APAT: Plano Ferroviário deve reflectir «uma visão estratégica» e «holística» para o país

...o Plano Ferroviário deve reflectir «uma visão estratégica» e «holística», fundada na estabilidade e consolidada num «conjunto de interesses, com valências complementares na actividade logística com utilização da ferrovia de modo a promover na generalidade as indústrias, os Portos e a economia Nacional de acordo com os padrões de funcionamento adoptados pelo ‘estado da arte’»

«Acesso directo» aos portos fixará a ferrovia como garante da «circulação de grandes fluxos»

«Acesso directo» aos portos fixará a ferrovia como garante da «circulação de grandes fluxos»

O «acesso directo aos portos, aos terminais logísticos» e a «possibilidade de transportar camiões sobre carris nas chamadas ‘auto-estradas rolantes’» serão importantes para estabelecer « a ferrovia como o sistema que assegura a circulação dos grandes fluxos», analisou o Ministro das Infra-estruturas, num artigo de opinião recentemente publicado pela ADFERSIT, no qual o governante analisa a importância do Plano Ferroviário.

Porque precisamos de um Plano Ferroviário Nacional

Porque precisamos de um Plano Ferroviário Nacional

«No passado dia 19 de Abril, numa sessão pública no LNEC, iniciámos o processo que permitirá dotar o país de um Plano Ferroviário Nacional. Neste arranque de trabalhos, importa explorar um pouco as motivações para esta iniciativa. Afinal, para que precisa o país de um Plano Ferroviário Nacional?
Irei explorar apenas duas importantes razões.
(...)
»

COMBOIOS DE TRAÇÃO ELÉTRICA NO TROÇO VIANA DO CASTELO - VALENÇA

COMBOIOS DE TRAÇÃO ELÉTRICA NO TROÇO VIANA DO CASTELO - VALENÇA

O dia 25 de abril marcou o início das viagens em comboios de tração elétrica no troço Viana do Castelo - Valença, na Linha do Minho, com a disponibilização deste novo serviço por parte do operador CP – Comboios de Portugal, concluídas que foram as obras de modernização e eletrificação realizadas pela Infraestruturas de Portugal (IP), tendo já sido terminada a fase de testes e de obtenção de certificação.

Parecer do CESE sobre Espaço Ferroviário Europeu Único aponta para necessidade dos Estados apoiarem o setor

Parecer do CESE sobre Espaço Ferroviário Europeu Único aponta para necessidade dos Estados apoiarem o setor

No âmbito da presidência rotativa do Conselho da União Europeia, Portugal pediu ao Comité Económico e Social Europeu (CESE) que elaborasse um parecer sobre o Espaço Ferroviário Europeu Único, uma vez que a ferrovia é um dos temas prioritários para a presidência em exercício.