Sacyr construirá parte da linha ferroviária que ligará portos de Sines, Setúbal e Lisboa a Espanha

Sacyr construirá parte da linha ferroviária que ligará portos de Sines, Setúbal e Lisboa a Espanha

O Grupo Sacyr Somague terá papel essencial na conectividade dos portos portugueses a Espanha: a adjudicação do troço ferroviário Alandroal-Linha do Leste, por banda da IP, deu à empresa a responsabilidade de edificará a ligação dos portos de Sines, Lisboa e Setúbal a Espanha. Este troço (que terá uma extensão de 40 quilómetros) integrará o traçado do Corredor Internacional Sul.

Corredor do Mediterrâneo é «fundamental para o sucesso da mobilidade», afirma o Governo espanhol

Corredor do Mediterrâneo é «fundamental para o sucesso da mobilidade», afirma o Governo espanhol

O Secretário de Estado das Infraestruturas de Espanha, Pedro Saura, veio a terreiro constatar que o Corredor do Mediterrâneo trata-se de uma «peça fundamental para o sucesso da estratégia de mobilidade segura e sustentável» do Governo espanhol, corroborando as palavras de Isabel Pardo de Vera, presidente da ADIF. Espanha está em sintonia quanto ao objectivo de dotar o transporte de cargas mais competitivo através deste traçado.

Palácio da Bolsa recebeu a primeira Assembleia Plenária do IRG-Rail em 2019

Palácio da Bolsa recebeu a primeira Assembleia Plenária do IRG-Rail em 2019

O IRG-Rail – Grupo Europeu de Reguladores Independentes, que assumiu no ano de 2019 presidência Portuguesa, realizou a sua primeira Assembleia Plenária na cidade do Porto. O evento decorreu no dia 27 de Maio, no Palácio da Bolsa, e contou com a presença do Secretário de Estado das Infraestruturas, Jorge Delgado, e do presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira.

ADIF e Puertos del Estado apostam em plataforma digital para fomentar a interoperabilidade

ADIF e Puertos del Estado apostam em plataforma digital para fomentar a interoperabilidade

Espanha vai intensificar a sua aposta na intermodalidade no contexto do transporte de mercadorias: prova disso é a aposta na plataforma tecnológica SIMPLE, que visa a simplificação de processos para a melhoria da Logística. O projecto, há muito debatido no país vizinho, coloca a partilha de informação no centro das atenções do sector do transporte de cargas, enquanto pilar da eficiência e da sinergia entre modos de transporte.

Transporte rodoviário de mercadorias triplicará até 2050, prevê o Fórum Internacional dos Transportes

Transporte rodoviário de mercadorias triplicará até 2050, prevê o Fórum Internacional dos Transportes

A incorporação progressiva dos países em desenvolvimento nos fluxos de comércio internacional nos próximos anos implicará que os volumes de mercadorias transportadas por rodovia continuem a aumentar, a fim de aproveitar a flexibilidade e a competitividade que esse modo oferece – esta é uma das mais basilares conclusões do recente estudo realizado pelo Fórum Internacional dos Transportes (ITF).

Luís Simões analisa 2018: «Ano de crescimento» no qual a sustentabilidade teve «papel fundamental».

Luís Simões analisa 2018: «Ano de crescimento» no qual a sustentabilidade teve «papel fundamental».

A Luís Simões apresentou o Relatório Anual de Sustentabilidade de 2018, que, de acordo com a empresa, plasma «o compromisso com os objectivos de Desenvolvimento Sustentável definidos pelas Nações Unidas». O documento reporta «a evolução da Luís Simões ao nível ao sustentabilidade em 2018, ano em que celebrou 70 anos de história», declarou a referência logística ibérica através de um comunicado.

Transporte aéreo de mercadorias liderará o crescimento do tráfego de mercadorias até 2050

Transporte aéreo de mercadorias liderará o crescimento do tráfego de mercadorias até 2050

«A procura global pelo transporte de mercadorias continuará a crescer de forma impressionante nas próximas três décadas»: esta é uma das principais conclusões do relatório ‘Perspectives of Transport’, apresentado no dia 22 pelo Fórum Internacional dos Transportes (ITF). O documento indica que a procura global do frete triplicará entre 2015 e 2050, e o maior percentual de crescimento será responsabilidade do tráfego aéreo.

Jorge Rosa (Mobinov): «Transporte ferroviário inexistente põe em causa a nossa competitividade»

Jorge Rosa (Mobinov): «Transporte ferroviário inexistente põe em causa a nossa competitividade»

Em entrevista concedida ao ‘Dinheiro Vivo’, Jorge Rosa, presidente da Mobinov, abordou o tema da transformação da indústria automóvel e o dossier da conectividade ferroviária portuguesa. O presidente da Mobinov (que reúne os fabricantes de carros e de peças e ainda o comércio automóvel), frisou que a mudança na indústria automóvel lusa ocorrerá sobretudo nas unidades de componentes e não nas linhas de montagem.

Porto de Sines encarado como a "peça-chave" da nova relação comercial entre China e Portugal

Porto de Sines encarado como a "peça-chave" da nova relação comercial entre China e Portugal

Realizou-se hoje no ISEG – Instituto Superior de Economia e Gestão, da Universidade de Lisboa, a conferência ‘Objectivos e Ideais Comuns: 40 Anos de Cooperação entre Portugal e China’, que contou com a presença da Ministra do Mar. A iniciativa teve como principal intuito traçar a «retrospectiva da relação entre Portugal e China ao longo das últimas quatro décadas», e perspectivar «novas formas de cooperação» entre as nações.

Carga contentorizada: relação comercial do Porto de Sines com portos chineses cresceu 19,7%;

Carga contentorizada: relação comercial do Porto de Sines com portos chineses cresceu 19,7%;

Por altura da visita do Ministro dos Recursos Naturais da República Popular da China ao Porto de Sines (uma visita que incluiu uma reunião com a administração da APS e com a Ministra do Mar), a APS revelou dados sobre a intensificação da relação comercial entre Portugal e a China: entre 2015 e 2018, a movimentação de mercadorias contentorizadas entre o Porto de Sines e os diversos portos chineses cresceu 19,7%.

Fluxos de carga entre Janeiro e Março: embarques e desembarques apresentaram subidas homólogas

Fluxos de carga entre Janeiro e Março: embarques e desembarques apresentaram subidas homólogas

Os dados da AMT referentes ao período Janeiro-Março de 2019 indicam que, no cômputo dos fluxos de carga verificados nos portos do Continente, «a variação global observada foi positiva quer para os embarques, como para os desembarques, reflectindo acréscimos respectivos de +2,6% e de +3,8%, correspondentes a +226 e a +499 mil toneladas», pode ler-se no relatório disponibilizado pela AMT.