Contentores: Pireu cresce 23,8%, enquanto o triunvirato espanhol (Valência, Algeciras e Barcelona) cresce 7,3%.

Contentores: Pireu cresce 23,8%, enquanto o triunvirato espanhol (Valência, Algeciras e Barcelona) cresce 7,3%.

O porto grego de Pireu, sob gestão chinesa (da COSCO), cresceu 23,8% face aos primeiros seis meses de 2018, saltando para a sexta posição do top-15. Entre as subidas estão, também, todos os portos espanhóis que integram a tabela: Valência, na quinta colocação (o porto espanhol melhor posicionado), cresceu 8,7%, ao passo que Algeciras (na sétima posição), cresceu 8,2%. O terceiro melhor porto de nuestros hermanos foi Barcelona (nono lugar), com uma subida homóloga de 5,1%.

Conexão ferroviária Yiwu-Madrid já rendeu tráfego de 500 mil contentores desde 2014

Conexão ferroviária Yiwu-Madrid já rendeu tráfego de 500 mil contentores desde 2014

Apesar de, no papel, Espanha não ter-se vinculado à mega-iniciativa One Belt One Road, na prática, está bem enraizado no sistema logístico espanhol o conceito chinês idealizado pelo Executivo de Xi Jinping – desde 2014, ano da inauguração a ligação ferroviária entre Madrid e Yiwu (no Leste da China), os comboios de mercadorias fizeram 600 viagens e transportaram 500.000 contentores.

Contentores: Setúbal e Leixões fixam «melhores marcas de sempre» e Sines reforça liderança

Contentores: Setúbal e Leixões fixam «melhores marcas de sempre» e Sines reforça liderança

Boas notícias para os portos lusos no que toca à movimentação de carga contentorizada: em termos globais, os portos do Continente movimentaram mais de 755 mil TEU nos primeiros três meses do ano, correspondendo assim este valor a uma «variação homóloga de +12,7% face a igual período de 201», adiantou, através de um comunicado, a AMT. Os destaques vão para os portos de Sines, Setúbal e Leixões.

Contentores: Setúbal e Leixões atingem "melhor marca de sempre" no período Janeiro-Fevereiro

Contentores: Setúbal e Leixões atingem "melhor marca de sempre" no período Janeiro-Fevereiro

Já é conhecido o relatório de actividades de Fevereiro da Autoridade de Mobilidade e Transportes (AMT) referente aos dois primeiros meses de 2019 – os portos do continente obtiveram, no seu conjunto, uma movimentação de cargas de 15,35 milhões de toneladas, à qual correspondeu um crescimento homólogo de 4,3%. No que toca ao segmento dos Contentores, frisa a AMT os positivos registos de Setúbal, Leixões, e, claro, Sines.

Porto de Sines reforça liderança nos contentores; Leixões também aumenta quota

Porto de Sines reforça liderança nos contentores; Leixões também aumenta quota

A Revista Cargo teve acesso aos dados veiculados pelo relatório de actividades da AMT referente aos dois primeiros meses de 2019: os portos do continente movimentaram 15,35 milhões de toneladas, o que se traduziu num crescimento homólogo de 4,3%. No segmento dos Contentores, os portos de Setúbal e Leixões obtiveram «a melhor marca de sempre» no período Janeiro-Fevereiro. Sines e Leixões também merecem destaque.