Ferrovia 2020: 69% do investimento em marcha

Ferrovia 2020: 69% do investimento em marcha

€1,46 mil milhões estão alocados à fase de obra ou concluídos, os restantes 31% estão em fase de projeto. 
As obras nas infraestruturas ferroviárias em Portugal que estão em curso ou que vão ser lançadas não estão, para já, a sofrer perturbações significativas por causa da emergência sanitária causada pela pandemia de covid-19.

PORTUGAL e o desafio da MOBILIDADE

PORTUGAL e o desafio da MOBILIDADE

COMUNICADO

Muito se fala em mobilidade, mas este indispensável fator de desenvolvimento do País continua a ter como foco principal as grandes cidades, deixando o restante território marginalizado desta vontade.
Se atualmente é já recorrente falar da mobilidade nas grandes cidades, estender esta ambição a todo o território, desenhando um modelo de integração de todos os modos de transporte para pessoas e bens, é um desafio tão necessário quanto ambicioso que não pode desvanecer-se, esfumando-se a dinâmica que, apesar de tudo, é facilmente encontrada nas cidades. Trata-se, pois, de um objetivo, crescentemente importante, premente e, sobretudo, apelativo, nomeadamente para quem necessita diariamente de se deslocar, e que deve mobilizar os poderes públicos e populações.

Ligação ferroviária "mais curta até Espanha" permitirá a Sines captar cargas "do interior de Espanha"

Ligação ferroviária "mais curta até Espanha" permitirá a Sines captar cargas "do interior de Espanha"

Ligação "mais rápida até Espanha" dará maior competitividade à Medway e a Sines.
"Estamos em Sines a carregar cargas que antes usavam o porto de Cádis, ou seja, estamos a retirar carga espanhola a um porto espanhol para trazer para um português. Ora reduzindo ainda mais a distância a Espanha ficamos ainda mais competitivos."

Atrasos no programa Ferrovia 2020

Atrasos no programa Ferrovia 2020

Esta semana soou o alarme com a publicação num jornal diário de uma notícia segundo a qual a Infraestruturas de Portugal terá atrasado ou adiado 18 obras de requalificação ferroviária incluídas no programa Ferrovia 2020 e que uma outra terá sido cancelada.

Entretanto, a Infraestruturas de Portugal veio esclarecer em comunicado que “todos os investimentos previstos executar no âmbito do Ferrovia 2020 estão em desenvolvimento e serão concretizados".