Descidas na eficiência de portos, ferrovia e transporte aéreo, levam Portugal a perder competitividade

Descidas na eficiência de portos, ferrovia e transporte aéreo, levam Portugal a perder competitividade

As conclusões estão patentes no mais recente documento ‘Relatório Global da Competitividade 2019’, do Fórum Económico Mundial (sigla WEF): Portugal perdeu – em termos homólogos – competitividade na liga das infra-estruturas, tudo por causa das descidas do grau de eficiência verificadas nos portos, na ferrovia e no transporte aéreo. Apenas a rodovia manteve um registo similar ao do ano passado.

O ‘Relatório Global da Competitividade 2019’ colocou Portugal na 34º posição do ranking global, concluindo que o país sofreu um decréscimo relevante em aspectos como a eficiência do transporte público ferroviário, mas também na eficiência dos aeroportos e dos portos. A qualidade das estradas portuguesas também saiu algo beliscada quando comparada com os dados de 2018, ainda assim, as perdas foram bem menores.

ler notícia completa aquihttps://revistacargo.pt/descidas-na-eficiencia-de-portos-ferrovia-e-transporte-aereo-levam-portugal-a-perder-competitividade/ 

link para o Relatório:  http://reports.weforum.org/global-competitiveness-report-2019/ 

Partilhar