Bruxelas diz que ligações marítimas e ferroviárias são «insuficientes» e incita Portugal a investir mais

Bruxelas diz que ligações marítimas e ferroviárias são «insuficientes» e incita Portugal a investir mais

«Insuficientes ligações marítimas e ferroviárias» e «disparidades regionais»: este é o veredicto taxativo da Comissão Europeia sobre a conectividade de Portugal e o actual estado do país no que toca ao sector dos Transportes. Daí a recomendação do organismo ir no sentido de uma necessidade de maior investimento, tanto na área dos Transportes e como também na Inovação.

Sacyr construirá parte da linha ferroviária que ligará portos de Sines, Setúbal e Lisboa a Espanha

Sacyr construirá parte da linha ferroviária que ligará portos de Sines, Setúbal e Lisboa a Espanha

O Grupo Sacyr Somague terá papel essencial na conectividade dos portos portugueses a Espanha: a adjudicação do troço ferroviário Alandroal-Linha do Leste, por banda da IP, deu à empresa a responsabilidade de edificará a ligação dos portos de Sines, Lisboa e Setúbal a Espanha. Este troço (que terá uma extensão de 40 quilómetros) integrará o traçado do Corredor Internacional Sul.

Jorge Rosa (Mobinov): «Transporte ferroviário inexistente põe em causa a nossa competitividade»

Jorge Rosa (Mobinov): «Transporte ferroviário inexistente põe em causa a nossa competitividade»

Em entrevista concedida ao ‘Dinheiro Vivo’, Jorge Rosa, presidente da Mobinov, abordou o tema da transformação da indústria automóvel e o dossier da conectividade ferroviária portuguesa. O presidente da Mobinov (que reúne os fabricantes de carros e de peças e ainda o comércio automóvel), frisou que a mudança na indústria automóvel lusa ocorrerá sobretudo nas unidades de componentes e não nas linhas de montagem.