Lançamento do livro "A Ferrovia em Portugal - Passado, presente e futuro" da autoria de Francisco Furtado

Lançamento do livro "A Ferrovia em Portugal - Passado, presente e futuro" da autoria de Francisco Furtado

Este ensaio analisa e explica a evolução de mais de século e meio de existência do caminho de ferro português. Defende a ferrovia como alavanca de desenvolvimento económico, fundamental para setores estratégicos como os portos ou uma melhor organização do território, e o comboio como o único modo de transporte já largamente eletrificado, reduzindo a dependência dos combustíveis fósseis importados e as emissões poluentes. Por fim, expõe prioridades e diretrizes para maximizar o potencial da ferrovia no século XXI. Porque o comboio português pode e deve ir mais longe.
(extraído da contracapa do livro)

Ligação Sines-Grândola prioritária: projecto do PNI 2030 deverá ser antecipado para 2021-2025

Ligação Sines-Grândola prioritária: projecto do PNI 2030 deverá ser antecipado para 2021-2025

Esta linha, especializada no tráfego ferroviário de mercadorias, permite diminuir a distância entre o porto atlântico e o Centro e Norte de Portugal, bem como a ligação a Espanha, tendo ainda a vantagem de contornar o problema da orografia da serra de Santiago de Cacém (por onde passa a actual linha Sines – Ermidas) cortando significativamente os custos de tracção e permitindo um aumento do volume das cargas movimentadas.

Corredor Atlântico: portos andaluzes buscam sinergias com portos de Sines, Setúbal e Lisboa

Corredor Atlântico: portos andaluzes buscam sinergias com portos de Sines, Setúbal e Lisboa

De olho no desenvolvimento do Corredor Atlântico, no qual participam Espanha e Portugal, o presidente da Autoridade Portuária de Huelva, Pilar Miranda, juntamente com o director da entidade, Ignacio Álvarez-Ossorio, participaram no Fórum Empresarial Andaluzia Portugal 2020, organizado no dia 15 pela Extenda (Agência Andaluz para o Desenvolvimento Externo), entidade que integra o Ministério da Administração Pública espanhol que tem como objectivo fomentar as relações comerciais e os investimentos bilaterais entre os dois territórios.

UMA AVALIAÇÃO DOS INVESTIMENTOS DO PNI 2030 – FERROVIA

UMA AVALIAÇÃO DOS INVESTIMENTOS DO PNI 2030 – FERROVIA

A análise e avaliação dos programas dos investimentos ferroviários propostos no PNI 2030 foi realizada no âmbito do apoio de consultoria prestado ao Conselho Superior de Obras publicas (CSOP) e teve como principal objectivo clarificar e densificar a identificação e caracterização dos investimentos a realizar na rede ferroviária nacional (RFN) e aferir da sua consistência, robustez e impacto na economia, na mobilidade, no ambiente e na coesão territorial.

Umweltbundesamt divulga estudo: frete ferroviário é 6 vezes mais «limpo» que o rodoviário

Umweltbundesamt divulga estudo: frete ferroviário é 6 vezes mais «limpo» que o rodoviário

De acordo com um recente estudo divulgado pelo Umweltbundesamt – o departamento ambiental do governo alemão – cada comboio emitiu, em média, cerca de 18 gramas de dióxido de carbono por tonelada-quilómetro* durante o decorrer do ano de 2018. Em comparação com o camião, estes números voltam a corroborar a importância de uma aposta sustentável nas potencialidades da ferrovia e da intermodalidade, vinca o organismo.

ECOMM - Conferência Europeia sobre Gestão da Mobilidade. 3 a 5 de Junho de 2020 em Cascais. Prolongado até 10 de Janeiro o prazo para submissão de Propostas de Apresentação.

ECOMM - Conferência Europeia sobre Gestão da Mobilidade. 3 a 5 de Junho de 2020 em Cascais. Prolongado até 10 de Janeiro o prazo para submissão de Propostas de Apresentação.

De 3 a 5 de Junho do próximo ano vai-se realizar, pela primeira vez em Portugal, uma das mais antigas e prestigiadas conferências europeias sobre Gestão da Mobilidade, a ECOMM - European Conference on Mobility Management.
A ECOMM 2020 vai realizar-se no Centro de Congressos de Cascais e espera contar com a participação de mais de 350 congressistas de toda a europa e outras regiões do mundo.
Neste momento está aberta, até ao dia 10 de Janeiro, a call for presentations, para todos os que pretendam apresentar uma comunicação na conferência. 

A 23ª conferência ECOMM sob o tema “New Mobility… New realities for People and Cities … OUTRA VEZ! é uma organização da Câmara Municipal de Cascais.
Ambicionamos ter uma forte participação portuguesa para fomentar o debate de novas soluções de mobilidade a nível europeu, pelo que incentivamos a todos os se interessam por esta temática a participarem.

PORTUGAL e o desafio da MOBILIDADE

PORTUGAL e o desafio da MOBILIDADE

COMUNICADO

Muito se fala em mobilidade, mas este indispensável fator de desenvolvimento do País continua a ter como foco principal as grandes cidades, deixando o restante território marginalizado desta vontade.
Se atualmente é já recorrente falar da mobilidade nas grandes cidades, estender esta ambição a todo o território, desenhando um modelo de integração de todos os modos de transporte para pessoas e bens, é um desafio tão necessário quanto ambicioso que não pode desvanecer-se, esfumando-se a dinâmica que, apesar de tudo, é facilmente encontrada nas cidades. Trata-se, pois, de um objetivo, crescentemente importante, premente e, sobretudo, apelativo, nomeadamente para quem necessita diariamente de se deslocar, e que deve mobilizar os poderes públicos e populações.