HMM Algeciras quebra recorde de TEU transportados a caminho do Porto de Roterdão

HMM Algeciras quebra recorde de TEU transportados a caminho do Porto de Roterdão

O maior navio porta-contentores do mundo já navega, tendo zarpado, no passado dia 8 de Maio, do Porto de Yantian, na China, com destino ao Porto de Roterdão – o novo HMM Algeciras, da transportadora marítima sul-coreana, transporta, nesta sua inaugural viagem, um registo recorde de 19.621 TEU, assim ultrapassando o prévio recorde do porta-contentores MSC Gulsun, fixado nos 19.574 TEU em Agosto de 2019.

O Pós COVID-19 no Transporte Público de Passageiros – uma visão muito na primeira pessoa

O Pós COVID-19 no Transporte Público de Passageiros – uma visão muito na primeira pessoa

Vivemos um dos momentos em que a sabedoria popular e o bom senso, os decisores políticos e a competência técnica, vão ter de andar de mãos dadas para descobrir as soluções que melhor se adaptam aos desafios que vão surgindo. Reagindo à solicitação de dar a minha perspetiva sobre o impacto do COVID-19 nos sistemas de transporte público de passageiros, em vez de um texto técnico, com números e análises sobre eles identificando tendências e suas possíveis consequências, optei por arrumar um conjunto de reflexões comuns, mas que nesta circunstância me parecem mais apropriadas e sinceras. Este é um artigo totalmente na primeira pessoa.

CER e Unife pedem que ferrovia seja considerada decisiva na recuperação económica europeia

CER e Unife pedem que ferrovia seja considerada decisiva na recuperação económica europeia

As associações europeias CER e Unife, que representam operadores ferroviários, gestores de infra-estrutura e o sector de abastecimento ferroviário, enviaram uma carta ao vice-presidente da Comissão Europeia, o holandês Frans Timmermans, à comissária dos Transportes, a romena Adina Valean, à comissária de Coesão e Reformas, a portuguesa Elisa Ferreira, e aos ministros dos transportes da UE, solicitando que o próximo orçamento comunitário considere o transporte ferroviário como elemento decisivo para a recuperação da Europa no período pós-COVID-19.

A MOBILIDADE URBANA NO DIA DEPOIS

A MOBILIDADE URBANA NO DIA DEPOIS

A pandemia que agora assola o mundo tem originado um sem número de reflexões sobre como será o dia depois. Desde propostas que pugnam por alterações drásticas nos modos de vida (ainda impensáveis há apenas escassos meses), até elucubrações fantasiosas sobre um novo mundo, em que os contactos pessoais seriam limitados, com restrições que só têm paralelo com o que vivemos em período de confinação.

Governo discutiu infra-estruturas com Câmara Municipal de Sines, IP, APS, AICEP e PSA Sines

Governo discutiu infra-estruturas com Câmara Municipal de Sines, IP, APS, AICEP e PSA Sines

A reunião do presidente da Câmara Municipal de Sines com os membros do Governo contou com a presença de três secretários de Estado: Eurico Brilhante Dias (Internacionalização); Alberto Souto de Miranda (Adjunto e das Comunicações, que tutela o sistema portuário); e Jorge Delgado (pasta das Infra-estruturas). A reunião teve ainda a presença do vice-presidente das Infra-estruturas de Portugal (IP), dos presidentes da Administração do Porto de Sines (APS) e da AICEP Global Parques (gestora da Zona Industrial e Logística de Sines), José Luís Cacho e Filipe Costa, respectivamente.